viagens pela paisagem que me é próxima e interior, viagens por filmes, viagens de aquém e além mar
Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

.pesquisar

 

.viagens recentes

. Comida e fotografia

. tubos

. Avaliação da qualidade na...

. No paraíso ano após ano

. Férias floridas

. Primavera

. jarro

. flor 2

. flor

. Clorofila

. Primavera

. Martinha

. Fly fishing ou a imagem d...

. ... e o paraíso continua ...

. Blawenburg Band em Hopewe...

. Sporting vence torneio Ba...

. Alvor

. Por Cascais e Sintra

. Festival de Jazz de Monte...

. Com neve na praia

. De Berlim, com amor

. Será que a crise nos veio...

. Berlin - bald bin ich da!

. Os nossos dias voltarão a...

. Grounds for Sculpture

. Phila

. mais uma foto do paraíso

.arquivos

. Setembro 2012

. Março 2012

. Outubro 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

blogs SAPO

.links

Quinta-feira, 4 de Outubro de 2007

I could never be your woman

Em português, Nem Contigo ... Nem Sem Ti é mais uma daquelas comédias românticas, que se vêem à falta de melhor, mas que também não são um desperdício de 2,00 €, nem dos minutos passados no cinema. Os ingredientes são quase os mesmos de sempre - um casal que se sente atraído, mas que por razões de diferença de idades e de uma secretária maldosa, adia o momento de ficarem juntos.

 

 

 

Michelle Pfeifer, com quase 50 anos, consegue disfarçar a idade, e apresenta-se como uma mulher de 40 que, apesar da Mãe-Natureza a tentar impedir de se envolver com um homem muito mais novo, ultrapassa esse tabu e deixa-se levar pela paixão.

Mas, o filme não é só isso. Vejam-se os primeiros minutos em que essa mesma Mãe se insurge contra uma geração que não quer envelhecer e que recorre às plásticas e ao botok para disfarçar o natural passar dos anos.

Para além da presença da bela Pfeiffer e do insinuante Paul Rudd, há a destacar a fantástica interpretação da jovem Saoirse Ronan, que desempenha o papel de filha daquela e que no final do filme interpreta duas versões cómicas e mordazes de sucessos musicais de Britney Spears e Alanis Morissette, onde nem o presidente Bush sai ileso. Hollywood já o habitou a isso ...

Depois do filme, interroguei-me: E se não existissem espelhos? E se os outros ao olhar-nos só nos vissem a alma?

http://www.aceshowbiz.com/video/download/00000665

publicado por mq às 18:35

link do post | comentar | favorito
|