viagens pela paisagem que me é próxima e interior, viagens por filmes, viagens de aquém e além mar
Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

.pesquisar

 

.viagens recentes

. Comida e fotografia

. tubos

. Avaliação da qualidade na...

. No paraíso ano após ano

. Férias floridas

. Primavera

. jarro

. flor 2

. flor

. Clorofila

. Primavera

. Martinha

. Fly fishing ou a imagem d...

. ... e o paraíso continua ...

. Blawenburg Band em Hopewe...

. Sporting vence torneio Ba...

. Alvor

. Por Cascais e Sintra

. Festival de Jazz de Monte...

. Com neve na praia

. De Berlim, com amor

. Será que a crise nos veio...

. Berlin - bald bin ich da!

. Os nossos dias voltarão a...

. Grounds for Sculpture

. Phila

. mais uma foto do paraíso

.arquivos

. Setembro 2012

. Março 2012

. Outubro 2011

. Julho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Março 2008

. Dezembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

blogs SAPO

.links

Sexta-feira, 18 de Maio de 2007

De regresso à Madeira

O país ali deu o salto. Continuo a não saber se só na aparência, tão do agrado dos portugueses - preocupados mais com o ter do que com o ser. Ignoro se as escolas têm qualidade, se o ensino e o aproveitamento melhoraram, se as actividades culturais proliferam, se as as associações recreativas locais sobrevivem. Só vi uma livraria por onde passei, mas não vi tudo.

 

O Sr. Luís, taxista, fã incondicional de Alberto João Jardim, reconhecendo nele um grande apaixonado pela Madeira, que tudo faz para a fazer crescer, não se cansou de mencionar a descentralização e a diversidade. Segundo o mesmo, construíram-se infra-estruturas até no "fim do mundo" - um passeio marítimo aqui, uma praia artificial ali, um centro de artes, um parque temático, etc., etc. Com este investimento aumentaram-se os postos de trabalho, instalaram-se restaurantes, construíram-se apartamentos onde antes ninguém queria viver.

 

A ilha, na realidade, mudou radicalmente. Não sei se terão mais qualidade vida, não sei se este é o progresso.


publicado por mq às 18:20

link do post | comentar | favorito
|